Workshop sobre intervenção em Alburrica

Autor: Helder da Rocha Machado/terça-feira, 24 de julho de 2012/Categorias: Notícias

Rate this article:
Sem classificação
Workshop sobre intervenção em Alburrica
O 1.º Workshop Estejo (Alburrica - Barreiro) decorreu na Universidade Lusíada de Lisboa (ULL), de 16 a 24 de Julho de 2012, numa iniciativa do projecto de investigação "O estuário do Tejo e as suas áreas ribeirinhas: estratégias para a sua sustentabilidade".

A sessão de abertura do evento foi presidida pelo Prof. Doutor Eng. Diamantino Freitas Gomes Durão, Reitor da ULL, na qual participaram o Prof. Doutor Arqt. Alberto Cruz Reaes Pinto, Director da Faculdade de Arquitectura e Artes, e os organizadores do evento, a Prof.ª Doutora Arqt.ª Maria de Fátima Silva Freire e Veiga e o Prof. Doutor Arqt. Rodrigo Reis Ollero das Neves, que fizeram o enquadramento do Workshop e uma descrição da área de intervenção, a frente ribeirinha de Alburrica, que consiste numa parcela de terreno que engloba a reabilitação da antiga fábrica de cortiça, a Caldeira de Braamcamp e a Quinta do mesmo nome.

Na opinião dos organizadores, este evento teve como objectivos:
  • "Reflectir sobre a problemática de ocupação das áreas ribeirinhas do Estuário do Tejo numa óptica de integração da identidade das unidades e subunidades de paisagem com as dinâmicas locais, sem prejuízo das orientações previstas no planeamento municipal;
  • Contribuir com hipóteses programáticas para a requalificação da área de intervenção da Quinta de Braamcamp, no Projecto REPARA, na perspectiva dos conceitos de sustentabilidade estratégica definidos no projecto de investigação;
  • Realizar propostas ao nível de plano de pormenor / desenho urbano para a Quinta de Braamcamp, com eventual desenvolvimento de estudos prévios de alguns dos equipamentos para aí considerados."

O Workshop teve uma forte componente prática onde várias equipas desenvolveram trabalhos de ateliê que reflectiram os conceitos base que orientam a estratégia de intervenção em Alburrica, em particular, o entendimento deste território como sistema dinâmico interactivo (água/terra/água). No final, os trabalhos foram apresentados e debatidos pelas equipas.

sítio web
| fotogaleria | cartaz
Print

Número de visualizações (534)/Comentários (0)

Tags:

Please login or register to post comments.