Investigadores da Lusíada participam no seminário "Novas Guerras e Segurança Humana".

Autor: Rita Neto Marques/terça-feira, 26 de novembro de 2019/Categorias: Notícias, FD

Rate this article:
5.0

No dia 14 de Novembro de 2019, realizou-se, no Instituto Universitário Militar (IUM), o seminário "Novas Guerras e Segurança Humana", com a colaboração da Universidade Lusíada (UL), da Universidade do Minho, da Universidade Nova de Lisboa e do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa, no qual participaram investigadores da UL.

A partir do tema "Novas Guerras e Segurança Humana", designação homónima de um projecto de investigação conjunto entre o Centro Lusíada de Investigação em Política Internacional e Segurança (CLIPIS) e o Centro de Investigação e Desenvolvimento do IUM (CIDIUM), iniciado em 2016, foram apresentados os resultados da investigação realizada acerca dos novos tipos de conflitos e das novas ameaças à segurança internacional, sobretudo no que respeita à segurança humana na conflitualidade actual, reflectindo-se na necessidade de os Estados se adaptarem a estas realidades.




Ilustração 1 - Pormenores das várias sessões do seminário.

No âmbito do painel intitulado "Os mecanismos de resposta face ao advento das 'novas guerras': a segurança marítima", moderado pelo Almirante Lopo Cajarabille, o Prof. Doutor José Francisco Pavia abordou as principais áreas de pirataria, através de uma análise comparativa entre o Corno de África e o Golfo da Guiné, casos de estudo anteriormente apresentados pelo Capitão-de-mar-e-guerra António Gonçalves Alexandre e pelo Capitão-de-mar-e-guerra Pedro Sasseti Carmona.

"A natureza da violência em relações internacionais no século XXI: as 'Novas Guerras' e as novas ameaças transnacionais", painel moderado pelo Prof. Doutor Luís Eduardo Saraiva, foi o mote para as intervenções "A violência em RI: para além do realismo", da Prof.ª Doutora Sandra Fernandes, "Conflitos transnacionais: o Direito e as 'Novas Guerras'", da Prof.ª Doutora Francisca Saraiva, e "O paradigma demoliberal após o 11 de Setembro", do Prof. Doutor Cristiano Cabrita.

Estudantes de várias universidades assistiram ao seminário, nomeadamente estudantes militares do IUM, da licenciatura em Relações Internacionais, do mestrado em Relações Internacionais e do mestrado em Segurança e Justiça da UL.

Na sequência do evento, decorreu a sessão de lançamento de "Estudos Estratégicos das Crises e dos Conflitos Armados", livro coordenado pelo Prof. Doutor Luís Eduardo Saraiva, pelo Tenente-coronel (reserva) [Dr.] Rui Vieira e pelo Tenente-coronel [Mestre] João Pinto Correia, que teve a apresentação do Prof. Doutor Carlos César Lima da Silva Motta. A obra, publicada pelo IUM, reúne os trabalhos de investigação realizados no âmbito do Curso de Estado-Maior Conjunto (mestrado em Ciências Militares) do IUM.




Ilustração 2 - Pormenor da sessão de lançamento do livro "Estudos Estratégicos das Crises e dos Conflitos Armados". Da esquerda para a direita: Prof. Doutor Carlos César Lima da Silva Motta, Tenente-general Manuel Fernando Rafael Martins e General João Carlos de Azevedo de Araújo Geraldes.

Print

Número de visualizações (571)/Comentários (0)

Tags:
Rita Neto Marques
Rita Neto Marques>

Rita Neto Marques

Other posts by Rita Neto Marques

Please login or register to post comments.